Vigilância Ambiental realiza ação de prevenção à dengue na região central

10 - 12 - 2021- Franca

Franca Franca
Agentes de vetores da Vigilância Ambiental de Franca estão realizando na região central da cidade, um trabalho de orientação preventiva nos estabelecimentos comerciais com o principal objetivo de conscientizar e eliminar objetos que possam armazenar água e se tornar ambientes propícios ao surgimento das larvas do mosquito Aedes Aegypti, transmissor da dengue. Os funcionários estão devidamente identificados com crachás e uniformes.
Essas ações começaram na segunda-feira e vem sendo realizadas entre às 9h e 13h, por conta do crescimento do fluxo de pessoas circulando nessa área da cidade nesse período do ano, devido os preparativos para o Natal.
Pneus com água parada, especialmente, em estacionamentos descobertos ou com cobertura parcial estão sendo encontrados. A orientação transmitida aos responsáveis é para que descartem o material ou armazenem os pneus em locais cobertos, evitando a água parada, lembrando que o aparecimento do mosquito é uma questão de saúde pública e pode comprometer o bem-estar de todos.

Aumento

O Jornal Verdade mostrou que os casos de dengue em Franca dispararam em 2021, foram registradas na cidade 206 vítimas, o que representa um aumento de 379% em relação a 2020, quando foram contabilizados 43 casos positivos da doença.
Para tentar frear o avanço ainda maior da dengue, a pasta da Saúde implantou o plano de retomada das ações de controle e prevenção da dengue.

No meio do ano, as visitas no interior dos imóveis voltou a ser feita; este trabalho estava suspenso por conta da pandemia da Covid-19. Além da orientação aos moradores sobre como eliminar os criadouros do mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, os agentes de saúde promovem o controle vetorial nos imóveis e pontos estratégicos; fazem avaliações periódicas da densidade larvária e bloqueio da transmissão em áreas de intensa circulação do vírus.
O combate aos criadouros e ações educativas de comunicação e mobilização social também fazem parte dos trabalhos de prevenção.

População

A população também precisa aderir aos cuidados para evitar a dengue, que, na forma mais grave, pode até ser fatal. A principal medida é eliminar os potenciais criadouros do mosquito transmissor da doença, que se reproduz em locais com água parada.
Com retorno da temporada de chuvas, é preciso manter baldes, latinhas, garrafas e outros recipientes com a boca virada para baixo e em locais cobertos; eliminar água parada em vasos de plantas, armazenar pneus em lugares com cobertura, sem ficarem expostos ao tempo e manter a caixa d´água vedada.
Os principais sintomas da dengue são febre acima dos 39º, dor de cabeça constante, dor no fundo dos olhos, manchas vermelhas na pele, em todo o corpo, e dor nas articulações e ossos.


Fonte - Verdade On
Fonte de imagem - Verdade On