Theatro Pedro ll recebe live em comemoração aos 50 anos da Unimed Ribeirão

30 - 04 - 2021- Ribeirão Preto

Ribeirão Preto Ribeirão Preto

Nesta sexta-feira, 30, às 16h, o Theatro Pedro ll recebe o show da banda Rod Hanna com a Orquestra sinfônica de Ribeirão em formato de live para comemorar os 50 anos da Unimed Ribeirão Preto. A transmissão acontecerá pelo canal Youtube da Unimed.

Durante duas horas de espetáculo, a live contará com participações especiais como a do Dr. Denizard Rivail com o pianista Gustavo Molinari, uma homenagem aos mais de 940 médicos cooperados da entidade. Além do vice-presidente da Unimed, Dr. Moysés de Oliveira Lima Filho, e do diretor financeiro, Dr. Juvelcio Fernandes Peixoto. Outros quatro ex-presidentes foram convidados para receber uma homenagem durante o show.

Theatro Pedro ll

o Theatro Pedro II foi inaugurado em 8 de outubro de 1930, com a apresentação do filme “Alvorada do Amor”, com capacidade para receber duas mil pessoas. Por 30 anos, foi o principal polo cultural de Ribeirão Preto, com passagens secretas utilizadas por membros da alta sociedade que se hospedavam nos hotéis ao lado do prédio.

O dia 15 de julho de 1980 jamais será esquecido. Durante a exibição do filme “Os Três Mosqueteiros Trapalhões”, o Theatro Pedro II viveu sua história mais triste. Um incêndio o devastou, destruindo toda sua cobertura e comprometendo sua estrutura. Depois do incêndio, campanhas pedindo a preservação do patrimônio foram realizadas e, no dia 7 de maio de 1982, o prédio foi tombado pelo Condephaat.

Em maio de 1991, iniciou-se a primeira etapa de restauração e modernização do Theatro. A reforma durou cinco anos e o restauro das características arquitetônicas originais recuperaram o Pedro II, ampliando suas funções.

Na fase de reforma, a cúpula metálica da plateia principal foi reconstruída pela artista plástica Tomie Ohtake e a caixa cênica foi rebaixada em seis metros. Foi criado um subsolo com mais dois níveis: espaços para serviços de apoio artístico, oficina de cenário, carpintaria e almoxarifado técnico.

Seu complexo arquitetônico é um dos principais patrimônios cultural e histórico de Ribeirão Preto, considerado o terceiro maior teatro de ópera do Brasil e referência cultural da cidade.


Fonte - Revide
Fonte de imagem - Revide